Mudas de Castanheira do Para

Mudas de Castanheira do Para

 

Mudas de CASTANHEIRA DO PARÁ (Bertholletia excelsa)

As Mudas de Castanheira do Para tem ocorrência  região Amazônica
Outros nomes  castanha, castanha do brasil, amendoeira da américa, castanha mansa
Características  árvore de grande porte (talvez a maior do Brasil), podendo atingir 60 m, sendo 30 a 50 m a altura mais comum. Semidecídua, perdendo parcialmente as folhas durante o período seco. É planta social, ocorrendo em determinados locais em grande freqüência e forando os chamados castanhais, porém sempre em associação com outras espécies de grande porte. Tronco retilíneo e perfeitamente cilíndrico, de 100 a 180 cm de diâmetro, revestido por uma casca grossa e sulcada longitudinalmente. Folhas simples, coriáceas, de margens onduladas, de 25 a 35 cm de comprimento. Flores perfumadas, grandes, de cor amarela, reunidas em racemos paniculados terminais. Os frutos são cápsulas globosas, lenhosas e totalmente fechadas, de cerca de 10 cm de diâmetro e pesando de 0,5 a 1,5 kg e recebe o nome de ouriço. Contém em seu interior 15-24 sementes, que são as famosas castanhas do Pará. Sua casca é muito resistente e requer grande esforço para ser extraída manualmente. Um kg de sementes contém cerca de 70 unidades. As sementes são de forma angulosa, com tegumento córneo tendo no seu interior a amêndoa, de grande utilidade e alto valor econômico.

Bolletim Habitat  Floresta Amazônica, mata alta de terra firme onde o solo é geralmente pedregoso e bem drenado.
Propagação sementes
Madeira  madeira moderadamente pesada (densidade 0,75 g/cm3), de boa resistência ao ataqu

http://www.vivaterra.org.br/arvores_nativas.htm#castanheira

 

Powered by http://wordpress.org/ and http://www.hqpremiumthemes.com/