Mudas Nativas de Cupuaçu


Mudas Nativas de Cupuaçu

 

CUPUAÇU (Theobroma grandiflorum)

Ocorrência  Região Amazônica, principalmente no Estado do Pará.
Outros nomes – cupuaçu-verdadeiro, cupuassu tree
C Tronco geralmente ereto e mais ou menos cilíndrico, com casca fissurada longitudinalmente, de 25 a 35 cm de diâmetro.
Folhas simples, opostas, curto-pecioladas, subcoriáceas, discolores, glabras na face superior e com delicados pêlos estrelados na  inferior, visivelmente nervadas, de 20 a 40 cm de comprimento por 6 a 12 cm de largura. Apresentam coloração rósea, quando jovens, e verde, quando maduras. Inflorescências em pequenas cimeiras de 2 a 4 flores afixadas diretamente nos ramos. Fruto baga muito grande, de forma elipsóide, de 10 a 25 cm de comprimento e pesando até 1,5 kg , revestida por indumento ferrugíneo, com 20 a 50 sementes envolvidas por densa camada de polpa delicadamente fibrosa de sabor acidulado e de aroma agradável. Um kg contém aproximadamente 40 unidades.
Habitat   mata alta de terra firme
Propagação  sementes
Madeira  moderadamente pesada (densidade 0,55 g/cm3), homogênea, textura média, grâ direita, de moderada durabilidade natural.

Utilidade  a madeira é muito pouco utilizada, entretanto é indicada para uso interno em construção civil e para serviços de marcenaria. Os frutos são comestíveis e muito apreciados, principalmente pelas populações do norte do país, onde seu suco é muito popular. Também consumido na forma de sorvetes, doces em pasta, cremes, pudim e geléia. As amêndoas substituem o chocolate. É cultivado em pomares domésticos e comerciais. O Estado do Pará é o principal produtor, seguido do Amazonas, Rondônia e Acre. A área cultivada no Pará é cerca de 14.000 ha , com produção em torno de 21.479 t. de polpa em 2000.
Florescimento  setembro a novembro
Frutificação – fevereiro a abril
http://www.vivaterra.org.br/arvores_nativas.htm#cupuacu
Powered by http://wordpress.org/ and http://www.hqpremiumthemes.com/